Carga fracionada: o que é e como funciona?

Segundo o Sebrae, o Brasil conta hoje com 6,4 milhões de estabelecimentos comerciais. Destes, 99% são pequenas e microempresas (MPE). Essa informação coloca em xeque o modelo logístico de transporte feito para um só embarcador, visto que o público atingido por este serviço é de apenas 1% da totalidade do mercado.

Nesse cenário, a carga fracionada vem se mostrando uma opção interessante, tanto para as transportadoras quanto para os embarcadores.

A possibilidade de poder dividir o frete permite que a agência logística atinja maiores públicos e, como consequência, mais empresas têm acesso ao mercado federal, e o embarcador, por contraponto, consegue a oportunidade de fragmentar sua carga e contratar diferentes fretes.

Como ainda existem muitas dúvidas sobre a carga fracionada, o objetivo deste texto é responder a algumas questões importantes sobre essa modalidade de frete. Acompanhe!

[E-Book] Guia de Container

Entenda em detalhes as especificações técnicas dos equipamentos usados nos seus embarques e tenha a oportunidade de reduzir custos utilizando esse documento de forma estratégica nas suas operações de importação/exportação.

Ao preencher o formulário e informar seus dados você concorda com a Política de privacidade da Simplifica.

O que é carga fracionada?

A carga fracionada é uma modalidade de frete em que a transportadora atende a dois ou mais embarcadores. Nesse tipo de atividade, o veículo é dividido — fracionado — e o custo do frete é contabilizado pelo peso da mercadoria e distância percorrida.

Os valores são repassados proporcionalmente à fração usada do veículo por cada embarcador. Nesse caso, o custo do pedágio é comumente embutido no frete e, caso isso não esteja claro, deve ser perguntado.

Quais as diferenças entre carga fracionada e carga completa?

Além do número de embarcadores, a carga fracionada apresenta algumas diferenças com relação à carga completa. Veja:

  • o vale-pedágio obrigatório não precisa ser pago no caso de carga fracionada;
  • o embarque é feito em diferentes pontos, sendo necessário estruturar uma rota de carregamento, o que pode gerar um pequeno atraso para que a mercadoria seja recolhida;
  • a entrega é mais demorada, mas a rota pode ser estrategicamente otimizada para ser mais econômica e essa economia pode ser repassada ao embarcador;
  • a carga fracionada é atrativa para varejistas e pessoas físicas.

Como funciona a logística da carga fracionada?

A logística é o ponto que precisa de maior atenção na carga fracionada. Afinal, se ela não for feita de maneira estratégica, o frete gerará prejuízo para a transportadora e atrasos para os clientes.

Nesse caso, a preferência do embarcador deve ser por empresas que trabalhem com roteirização e consigam estimular com precisão o intervalo de recolhimento e entrega. Uma vez que a transportadora atende a vários clientes, uma rota bem elaborada facilita o atendimento da clientela.

Quais os atuais desafios do transporte de cargas fracionadas?

Como a lotação de um veículo no regime de carga fracionada exige a existência de dois ou mais embarcadores, o esforço de vendas da transportadora é maior. Afinal, andar com o veículo sem usar a sua capacidade máxima gera prejuízos para a empresa.

Nesse caminho, os investimentos — no que tangem à propaganda, comunicação, marketing e treinamento de vendas — precisam ser ampliados. Isso abre uma brecha para que o embarcador negocie um frete fixo, garantindo preço melhor, já que ele poupa um pouco do esforço da transportadora para conseguir clientes.

Somado a esse desafio, as questões estratégicas da logística são um ponto a ter atenção: a rota precisa ser pensada da maneira mais inteligente possível. Rotas pouco inteligentes são disfuncionais para embarcador e transportador. Assim, ter atenção quanto à rota utilizada pela empresa é a primeira coisa a ser feita antes de contratar uma carga fracionada.

Apesar de trabalhoso, esse modelo de frete tende a ser um ótimo negócio. Ele alcança uma parcela maior do mercado e permite preços mais competitivos, ou seja, é possível enviar poucos produtos sem pagar tão caro. Por isso, a carga fracionada é tão importante nos dias de hoje.

A sua empresa já trabalha com carga fracionada? Como vocês trabalham a logística? Deixe aqui o seu comentário, assim podemos aprender com você!

A virada digital na logística é cada vez mais real no Brasil!

Tendo em vista o impacto da tecnologia no mercado de logística mundial, muitas empresas do Brasil estão aderindo a um modelo mais automatizado, ágil e eficiente para promover a virada de chave na logística das organizações. Se inscreva e comece a dar os primeiros passos rumo à essa transformação!

Há 4 anos no mercado exploramos a tecnologia como um meio para fazer a conexão entre empresas que precisam contratar fretes de forma totalmente descomplicada e transportadoras que oferecem esses tipos de serviços. Garantindo a segurança do transporte, o sucesso da operação e a satisfação das organizações envolvidas.

Funcionamento

Segunda – Sexta: 8:00 – 18:00

Contato

(35) 3214-3060
contato@simplificafretes.com.br
Rua Noruega, 189, Jardim Andere
Varginha – MG, 37006-340